/

Apagão do Whatsapp: Advogada desmaia sem socorro após esquecer que, com o app fora do ar, também poderia ligar

Tatiane pediu ajuda ao pai pelo Whatsapp, mas a mensagem não chegou e ela desmaiou.

Começar

A queda do Instagram, Facebook e Whatsapp prejudicou muita gente nesta segunda, 4. Para a advogada Tatiane do Amaral, de 41 anos, o problema foi um risco para a saúde. Ela desmaiou após ter um pico de açúcar no sangue e não ter conseguido ajuda. Tatiane enviou uma mensagem de whatsapp para o pai, mas, por causa do problema nas redes sociais, a mensagem não chegou. “Foi muito rápido. Acabei mesmo nem pensando em ligar”, disse ela após se recuperar do susto.

Tatiane ficou entre 5 e 10 minutos desmaiada e acordou com pressão alta. “Agora estou bem, já me alimentei, bebi água. Mas foi um aprendizado, da próxima vez (espero que não tenha) vou ser mais anos 90 e usar a boa e velha ligação ou dar um grito de socorro (risos)”, afirma.

Segundo ela, o Dumping é um pico de açúcar no sangue parecido com hipoglicemia e também tem sintomas fortes. “Eu estava no quarto e mandei pedido de ajuda pelo WhatsApp para o meu pai que estava vendo TV na sala, já que moramos em um sobrado. Ele não viu e eu apaguei… Risco de vida não sei, mas como apaguei, ao menos corri risco de ficar com sequelas sim, porque o desmaio é falta de oxigenação no cérebro”, conta.

Deixe sua resposta

Your email address will not be published.