///

Coluna Danilo Lima: Boninho é acusado de assédio moral

Ex-câmeras acusam diretor de humilhá-los e por condições insalubres de trabalho.

Começar

Boninho no paredão! Pelo menos oito ex-câmeras do “Big Brother Brasil” moveram ação trabalhista contra a TV Globo, acusando José Bonifácio Brasil de Oliveira, conhecido como Boninho, de assédio moral.

Os profissionais eram contratados por uma empresa terceirizada e relatam humilhações e tratamento grosseiro por parte do diretor, diz Fábia Oliveira no Jornal O Dia.

Um dos relatos que impressiona é que Boninho chegou a “agarrar um dos profissionais pelo casaco, pelo simples fato do mesmo ter pedido ajuda a um colega de trabalho para soltar a roda de sua câmera que ficou presa no cabo, o que o impedia de continuar circulando no trilho no qual as câmeras se movimentam dentro do Câmera Cross (corredor onde ficam localizadas todas as câmeras ocultas da casa)”.

As acusações também são sobre insalubridade no ambiente de trabalho, principalmente no m corredor do Câmera Cross. “Os profissionais eram submetidos a péssimas condições de higiene e de trabalho, pois tinham que trabalhar nove horas seguidas, em um corredor estreito e escuro, sem qualquer condição de higiene”.

A TV Globo nega as acusações, afirmando “Os reclamantes jamais sofreram qualquer tipo de humilhação por parte do diretor e, muito menos, foram submetidos a condições de trabalho inóspitas. Enfim, a inicial é repleta de inverdades”.

Sobre os vídeos apresentados pelos autores na justiça, a emissora diz que podem ter sido manipulados através de edição.

Deixe sua resposta

Your email address will not be published.