///

Coluna Danilo Lima | Caiu ‘Fake amor’: Melody chora e Anitta se pronuncia

Começar

Warner, não mexa com CRIANÇA! Brincadeiras à parte, deixa eu explicar essa história: a Melody utilizou a música “Faking Love” da Anitta para lançar um piseiro com o título “Fake Amor”. Em um podcast, Melody ainda brincou “vou lançar uma música, o jeito que é ninguém sabe, ela canta na música? Canta! Ela cantou comigo? Não”.

Ontem (21), após a Melody ter divulgado nas redes sociais que a música, em parceria com a patroa, estaria disponível às 18h nas plataformas digitais, a Warner, gravadora de Anitta, entrou em contato com a Melody exigindo que a garota tirasse do ar todos os materiais referentes a música. A produção da Melody removeu tudo do ar e às 18h lançou no youtube uma versão somente com a voz da Melody, contudo ainda era uma releitura do hit da garota do Rio.

Pouco tempo depois da publicação da música, a dona Warner não teve pena de meter o delete. Apagou a música que estava viralizando nas redes sociais, inclusive virando trend no TikTok. Após a exclusão, Melody apareceu (devastada) nas redes sociais pedindo para Anitta liberar a música.

Anitta veio a público:

“Quando eu falo pra vocês que essa menina melody vai ser o próximo kikiki do Brasil voces não acreditam em mim hahaha. Mas também quando eu falo que ela precisa deixar eu cuidar da carreira dela pq o pai não é correto também não me escutam hahaha”, disse a cantora.

A cantora explicou que não foi por ela que a música caiu:

“Acabaram de me mandar a versão (otima) que a melody fez de faking love. Mas, galera, música não é bagunça e Internet não é terra de ninguém quando se trata da propriedade de terceiros. É automático o algoritmo da minha gravadora derrubar”, disse.

Para finalizar, com maestria a cantora desviou o hate de Melody para o pai da garota:

“Então, pai da melody, ADOREI a versão, achei divertida a estratégia de marketing pra bombar com meu nome e me forçar a autorizar (achei meio pânico na TV com a sandalia da humildade) mas a burocracia infelizmente (ou felizmente) ainda deve ser respeitada. Para proteger o direito dos artistas e suas criações”.

Sim, gente! Eu amei a versão da Melody, mas é preciso respeitar o trabalho dos outros, né?!

Deixe sua resposta

Your email address will not be published.

Fechar AD