//

Coluna Danilo Lima | Demitido por homofobia, o jogador Maurício Souza ataca Douglas Souza

Começar

Maurício Souza, demitido do Minas Tênis Clube por homofobia, usou uma rede social na noite da última quinta-feira (28) para agradecer o apoio recebido pelo público bolsonarista.

Maurício ficou indignado com uma ilustração do novo Superman, filho de Clark Kent, dos HQs da DC Comics, Joe Kent, beijando outro personagem homem.

O atleta escreveu “Ah, é só um desenho, não é nada demais’. Vai nessa que vai ver onde vamos parar”. 

Declaração de Maurício Souza

O comentário homofóbico gerou revolta entre os patrocinadores de seu time, levando à demissão de Maurício.

O jogador Douglas Souza, ponteiro do Vibo Valentia (ITA), comemorou o posicionamento de um patrocinador que exigia a demissão do atleta homofóbico

“Obrigado @FiatBR pelo posicionamento! Obrigado por entender que homofobia não é liberdade de expressão ou opinião. Esperamos mais novidades.”

Douglas Souza em declaração no Twitter

Usando a tática do “time bolsonarista” de atacar os demais para atrair mais adeptos, o jogador atacou Douglas Souza, que esteve com ele na conquista do ouro nos Jogos Olímpicos de 2016 e na Olimpíada de Tóquio, em 2021

Fazendo referência a Douglas Souza, o jogador disse:

“Estou passando para agradecer todo o apoio e o carinho que vocês tão me dando… Está sendo muito importante nesse momento que eu estou passando. E mais uma coisa… Eu tinha 200 mil seguidores e hoje eu tenho 700 mil! E graças a Deus eu não precisei ficar sambando em cima de cama e desfilando na quadra para ganhar o respeito e admiração de vocês”, disse o atleta demitido por homofobia.

Ninguém esperava coisa boa do Maurício mesmo, mas é como a Bota Pó fala “LGBTIfóbicos passarão. Eu passarinho!”.

Deixe sua resposta

Your email address will not be published.

Fechar AD