//

Governo não vai exigir receita médica para vacinar crianças contra covid

Começar

O Ministério da Saúde não irá exigir receita médica para vacinar crianças de 5 a 11 anos. As regras para a imunização do público foram divulgadas hoje. A pasta informou que o primeiro lote de vacinas pediátricas da Pfizer deve chegar no próximo dia 13 ao país e a distribuição aos estados começará no dia seguinte.

Se o cronograma for cumprido, o início da imunização infantil deverá iniciar entre os dias 14 e 15 de janeiro. Segundo o Ministério da Saúde, a vacinação vai acontecer em ordem decrescente – das mais velhas para as mais novas -priorizando o público com comorbidades, deficiência permanente, indígenas e quilombolas.

Não será necessário apresentar autorização por escrito dos pais ou responsáveis, desde que estes acompanhem a criança no momento da vacinação. O intervalo entre as doses será de 8 semanas – prazo maior do que o previsto na bula, de três semanas.

O Ministério da Saúde disse que já encomendou 20 milhões de doses da Pfizer, o que seria suficiente apenas para a primeira dose. O ministro, Marcelo Queiroga, disse que a segurança e a eficácia da vacina pediátrica da Pfizer já foram atestadas por diversas agências internacionais. O imunizante em crianças é aplicado em dose menor do que em adultos.

Deixe sua resposta

Your email address will not be published.

Fechar AD