/

Internautas dizem “se apertar mais um pouco ele abre”, após Eduardo Bolsonaro se revoltar com Superman bissexual

A nova abordagem do personagem Superman, divulgada nesta segunda-feira, 11, tem repercutido bastante em diversos pontos de vista.

Começar

A DC Comics revelou que o novo superman, Jon Kent, filho de Clark Kent, é bissexual, nesta segunda-feira,11. A divulgação do novo gerou uma grande discussão nas redes sociais, com comentários pró e contra a nova abordagem.

Eduardo Bolsonaro, foi diversas vezes mencionado nos tweets, depois de dizer que a ideia do novo quadrinho é “destruir a masculinidade dos mais tolerantes”.  Os comentários em reposta são os mais inusitados desde  “cuidado pra não sair beijando os primos quando ver uma imagem do superman”, “É complicado a pessoa não enxergar o próprio umbigo… Está tentando justificar o ódio que lhe é natural, atribuindo a terceiros”, até mandando ele voltar a trabalhar ao invés de se preocupar com a nova historinha.

O criador, Tom Taylor explica como surgiu a ideia, “Quando me ofereceram o trabalho, eu pensei ‘Bem, se vamos ter um novo Superman para o universo da DC, me parece uma oportunidade perdida ter um outro salvador branco e hétero”. Ele defende que não é um “truque”, e completa dizendo que as reações têm sido em sua maioria positivas.

Deixe sua resposta

Your email address will not be published.