/

Polícia prende suspeitos do assassinato de Jonas Dabe Melo

Os suspeitos foram encontrados na madrugada desta sexta-feira, 5, em Igarapé-Açu.

Começar

A polícia prendeu dois homens suspeitos do assassinato do servidor público de Igarapé-Miri, Jonas Dabe Melo, de 40 anos. 

Os suspeitos foram presos na madrugada desta sexta-feira, 5, no município de Igarapé-Açu, nordeste paraense.

Segundo o delegado Luís Xavier, da Divisão de Homicídios, foram feitas investigações e levantamento de campo, para encontrar os suspeitos. A prisão foi efetuada por policiais militares através de informações de moradores da região que auxiliaram sobre o paradeiro dos acusados.

Jonas foi assassinado e teve o corpo encontrado por um trabalhador da Embrapa na Mata da Ceasa no dia 18 de setembro deste ano após dois dias desaparecido. A vítima estava enrolada em um lençol. Familiares e amigos suspeitavam de um crime de LGBTfobia.

Jonas Melo, encontrado morto no dia 16 de setembro Foto: Reprodução Redes Sociais

Na época do crime, familiares e amigos da vítima organizaram uma caminhada pedindo esclarecimentos sobre o caso e a prisão dos culpados.

Banner Divulgado nas redes sociais comunicando a caminhada no município de Igarapé-Miri pedindo justiça pela vítima.

A polícia ainda não divulgou oficialmente o nome dos suspeitos.

Deixe sua resposta

Your email address will not be published.

Fechar AD