/

Prédios históricos de Belém serão revitalizados e abrigarão órgãos públicos municipais

Entre as edificações, estão o famoso "Chapéu do Barata"

1 min de leitura

Imóveis de Belém e de Mosqueiro que estão em desuso serão revitalizados e vão abrigar órgãos da administração pública do município. Dos 16 prédios recuperados nesta ação, seis deles são prédios históricos. Entre os selecionados estão Palacete Pinho, Memorial Magalhães Barata e Praia Bar, em Mosqueiro.
Os imóveis receberão vistoria técnica para identificar as condições físicas e mapear os serviços que serão necessários para a recuperação.

Os prédios que serão revitalizados são: Imóvel da Sefin, antiga sede Administrativa na praça das Mercês; antiga sede da Fumbel, na praça Frei Caetano Brandão; prédio do Iasp, na Almirante Barroso; antiga instalação E. A. Ronaldo Araújo; antiga instalação E. A. Dulce Accioli; DRM Sesan, em Mosqueiro; antiga sede do Portal do Trabalhador (Secon), na travessa Gaspar Viana; imóvel onde funcionava o Shopping Popular (Secon); Complexo Espaço Palmeira, casarões históricos na Passagem Bolonha; sede da Copsan, na travessa 14 de Abril e nova Sede da Procuradoria Geral do Município (PGM) na avenida Presidente Vargas.

Deixe sua resposta

Your email address will not be published.