/

Suspeito do assassinato de Edrica Moreira está preso

Edisandro de Jesus da Costa estava foragido desde o dia 11 de novembro, quando Edrica foi baleada

Começar

Edisandro de Jesus da Costa, de 32 anos, principal suspeito do assassinato da jovem Edrica Moreira Lopes da Silva, de 19 anos, se entregou ao 2º Batalhão de Infantaria e Selva na tarde de ontem, 22 de novembro, em Belém.


Edisandro, que é 3º sargento do Exército, estava sendo procurado desde o dia 11, após relatos de testemunhas do crime apontarem o mesmo como autor dos tiros que mataram Edrica e também atingiram uma amiga da jovem no Conjunto Sideral, Região Metropolitana de Belém.

O investigado foi conduzido à Delegacia da Cabanagem onde prestou depoimento sobre o crime. Ele foi encaminhado para exames de corpo de delito e retornou para a Polícia do Exército, onde esta a disposição da justiça. 

Carro usado no crime foi encontrado:

Segundo a Polícia Civil, o carro usado no dia do crime, foi encontrado no município de Abaetetuba na última sexta-feira, dia 19. Uma arma, que pode ser a mesma utilizada para o crime também foi encontrada e está na perícia.

Relembre o caso:

Edrica estava acompanhada de uma amiga no conjunto Sideral no dia 11 de novembro, quando foi atingida por quatro tiros, por um homem de capuz que saiu de um carro preto e fugiu em seguida segundo relatos de testamunhas.

Segundo relatos de amigos da vítima, Edisandro de Jesus da Costa, suspeito do caso foi ex-namorado de Edrica e não aceitava o fim do relacionamento.

A jovem de apenas 19 anos foi socorrida, e levada para o Hospital Motropolitano mas faleceu no dia 15 de novembro.

Deixe sua resposta

Your email address will not be published.

Fechar AD