/

“Volpone” vai à delegacia, registra BO, não é preso e se faz de “vítima” nas redes sociais

Maria da Penha pra que? Apesar de já ter sido enquadrado duas vezes na Lei que em tese, garante a segurança da mulher, Volpone vai a delegacia registrar BO, sai de lá e ainda posta foto com a vítima do vídeo

Começar

O homem que foi filmado na manhã do ultimo sábado, 27, agredindo uma mulher no meio da rua, identificado como Antônio Carlos Coelho Martins, o “Volpone”, registou um boletim de ocorrência contra a mulher que filmou a agressão.

Antônio Carlos divulgou o documento em suas redes sociais, no qual alega que a vítima é sua ex-namorada e que após marcar um encontro com ele “simplesmente surtou” dentro do carro por ciúmes. Ele diz que a “segurou” para evitar que a vítima se jogasse do veículo. Carlos ainda alega que ambos, ele e a vítima do vídeo, passaram a tarde juntos em Mosqueiro, retornando apenas as 19 horas, momento em que tomaram conhecimento da divulgação do vídeo.

Volpone ainda divulgou uma foto no qual a mulher que aparece em vídeo implorando por socorro, entra novamente no carro. Veículo o qual, segundo relatos de parentes de uma outra namorada do acusado, nem mesmo é de sua propriedade. Ele postou a foto alegando se tratar da “verdade”.

Antônio ainda diz que o intuito do Boletim de Ocorrência é identificar a autora do vídeo que o divulgou “maldosamente” e que “prejudicou sua imagem”.

A vítima, que teve seu nome divulgado por Volpone na foto do B.O, já havia registrado, em 2020, uma denúncia com base na lei Maria da Penha contra o agressor.

Curiosamente, Antônio Carlos passou pela delegacia, registou o boletim e não foi detido. Tentamos entrar em contato com a Polícia Civil durante todo o dia e não obtivemos respostas.

Deixe sua resposta

Your email address will not be published.

Fechar AD